« Postagens Antigas
Escolha uma Página

História e cultura são pautas do projeto impulsionado pela Sempac

A Fundação Cultural de Uberaba (FCU) recebeu na tarde desta quinta-feira (14), os alunos do Colégio Nossa Senhora das Dores para uma palestra interativa de Educação Patrimonial. Estiveram presentes aproximadamente 44 crianças, do 3° ano do Ensino Fundamental I, acompanhadas por três monitoras do colégio. Na sexta-feira (15), outra turma irá participar do projeto. A sede da FCU fica localizada na Praça Rui Barbosa – 356, Centro.

O projeto foi criado pela Seção Municipal do Patrimônio Histórico e Cultural (Sempac) em 2007 e vem sendo reformulado desde 2016. A iniciativa mostra a necessidade de se compreender o ambiente histórico e social no qual se está inserido. As ações são voltadas para instituições de ensino e cada palestra é desenvolvida conforme as necessidades do público. Por se tratar de crianças, as atividades do último evento foram promovidas de maneira lúdica, com cantigas, improvisação de rap, apresentação audiovisuais (slides) e interação entre os participantes.

O evento, que durante o mês de março dá um enfoque especial aos 199 anos de Uberaba, foi conduzido pelos Historiadores da Sempac, Gustavo Vaz e Miguel Jacob. Também contou com a presença do Músico da FCU, Lucas Pedroso e do Toi Rap (um dos idealizadores da Batalha do calçadão, que é patrimônio cultural do município), mesclando a musicalidade da cultura popular e a contemporaneidade da cultura Hip Hop.

Com uma linguagem dinâmica, os alunos foram apresentados à história de Uberaba, em que se trabalhou a cultura e o patrimônio local material e imaterial, curiosidades, memórias e identidade Uberabense. A meta é, através do conhecimento, estimular as novas gerações a descobrirem e valorizarem ainda mais a cidade.

As atividades do projeto de educação Patrimonial desse ano tiveram início no mês de março com os alunos da Escola Estadual Frei Leopoldo Castelnuovo. No dia 25 desse mês, às 14h, será realizada uma ação interna voltada para os servidores da FCU, com o intuito de ampliar a rede de conhecimento e logo melhorar a transmissão de informações que partem da Fundação. O trabalho é pioneiro, contínuo e conforme a demanda pode ser desempenhado na FCU ou na própria escola solicitante. Interessados em participar podem entrar em contato pelo fone (34) 3331 – 9216.

Fotos: Divulgação/Fundação Cultural de Uberaba

 

 

 

You have Successfully Subscribed!

Share This