« Postagens Antigas
Escolha uma Página

Os mutuários estavam enquadrados no Programa Minha Casa Minha Vida

 

Mais quatro casas foram retomadas nesta quarta-feira (16) em decorrência de irregularidades apresentadas por mutuários que estavam em desacordo com a legislação que visa o Programa Minha Casa Minha Vida.

De acordo com o presidente da Companhia Habitacional do Vale do Rio Grande (Cohagra), Marcos Jammal, os imóveis retomados foram nos bairros Girassóis, Isabel Nascimento e Rio de Janeiro e serão repassados para famílias em situação extrema de vulnerabilidade social.

Situações de retomada estão sendo realizadas constantemente pela Cohagra e, segundo Jammal, permanecerão até que todos os mutuários denunciados sejam fiscalizados. “Aqueles que estiverem irregulares por algum motivo que consideramos ilegal, terão o imóvel tomado e repassado para quem de fato precisa. Temos muitas famílias que precisam de uma casa e ainda não foram contemplados. Vamos exercer o que a lei determina, esse é o nosso papel”, explica.

Na última semana, o prefeito Paulo Piau destacou o trabalho de fiscalização feito pela Cohagra, os índices positivos em relação às retomadas e a contemplação aos mutuários que se enquadram no MCMV. “Essas famílias aguardavam há tanto tempo sua oportunidade, tudo com contrato junto a Caixa Econômica Federal, seguindo os critérios e a Justiça acompanhando e contribuindo para este excelente trabalho”, destaca.

Jammal volta a pedir a população que as denúncias de irregularidades continuem sendo feitas pelo canal via WhatsApp (34) 99873-9555. Situações de venda ilegal, locação, troca irregular de imóvel ou mesmo abandono dos imóveis adquiridos pelos mutuários devem ser denunciados. Conforme o presidente, todas as denúncias serão encaminhadas à Polícia Federal para investigação dos casos.

Foto: Neto Talmeli

 

 

You have Successfully Subscribed!

Share This