« Postagens Antigas
Escolha uma Página

Desenvolvimento Econômico, Saúde e Educação foram alvos de demandas entregues ao Governador de Minas, Romeu Zema, pelo prefeito Paulo Piau. A entrega de ofícios com diversas solicitações municipais e também regionais, aconteceu durante a visita do governador à cidade, nesta quinta-feira (14). Zema acompanhou a posse da nova diretoria da Associação Microrregional do Vale do Rio Grande – Amvale, que tem Paulo Piau como presidente no ano de 2019.

Em relação a Uberaba, o prefeito solicitou ao governador a cessão das instalações físicas da Escola Estadual Cel. Geraldino Rodrigues da Cunha, bem como de terreno ao lado. Também pede a cessão do prédio onde está instalado o CEOPEE – Centro de Orientações e Pesquisa em Educação Especial para sediar o CREI – Centro de Referência em Educação Inclusiva do município, que é referência regional.

Há também o pedido para construção de escola que ofereça turmas de séries finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio no Residencial 2000, bem como a ampliação de turmas na Escola Estadual Francisco Cândido Xavier. Para a ampliação da Escola Municipal Pequeno Príncipe, o prefeito pediu ainda a cessão do prédio do Centro Social Urbano.

No âmbito do Desenvolvimento Econômico e na área de pesquisa, foi solicitado ao governador, a viabilidade de doação das glebas nos Distritos Industriais do Município de Uberaba, que foi a primeira cidade de Minas Gerais a formalizar os convênios junto ao Estado de Minas Gerais. Outra demanda apresentada pelo prefeito, diz respeito a cessão pela Cemig, do prédio “Fazenda Energética”,  à Epamig e Embrapa, que abrigariam seus pesquisadores no local. Piau também solicitou a aprovação por parte do Estado, das diretrizes para instalação em Uberaba de um Centro de Distribuição de Alimentos, se possível, até a data de abertura da Expozebu 2019.

 

Na saúde, a demanda foi relativa ao custeio para o Hospital Regional, por parte do Estado. Esta foi a principal reivindicação entregue a governador no âmbito das demandas regionais, como presidente da Amvale. No documento a associação pede também o término da duplicação da BR 262, bem como parceria junto às associações municipais e consórcios para repasse de recursos para fomento das mesmas. Outros assuntos tratados nas demandas são sobre a Estrada Serra da Canastra; Término da duplicação da BR 262; entre outras.

Durante seu pronunciamento na cerimônia de posse da Amvale, Paulo Piau também destacou a entrega da carta do G70 ao governador Romeu Zema. O texto, elaborado antes do pleito eleitoral, trata de temas como segurança pública, simplificação de processos, reformas, infraestrutura, atração de investimentos e pacto federativo. O documento também destaca interesses regionais relativos à educação, saúde pública, Intervales e o Aeroporto Internacional, rodovias, repasses, entre outros.

Fotos: André Santos/PMU

 

 

 

You have Successfully Subscribed!

Share This