« Postagens Antigas
Escolha uma Página

Os clubes que estão fechados na cidade poderiam ser aproveitados pelo Município. Alguns vereadores defenderam que sejam feitas parcerias neste sentido, principalmente pensando nas crianças e jovens. O assunto foi levantado pelo vereador Ronaldo Amâncio (PTB), que voltou a pedir a limpeza do Clube Sírio Libanês.

A intenção, segundo Amâncio, é evitar que o local sirva de possíveis focos para a proliferação o mosquito da dengue. O vereador Fernando Mendes (PTB) comentou que a cidade conta com vários clubes, que poderiam ser utilizados em outras ações, através de alguma parceria, talvez através da Fundação de Esporte e Lazer (Funel).

“Aquele imóvel é muito grande, está em desuso, gerando focos de mosquito e precisa ter alguma destinação”, afirmou Mendes. Ronaldo Amâncio concordou, lembrando que a cidade conta com clubes que têm história e que infelizmente estão com as portas fechadas, sendo que poderiam ser muito mais bem aproveitados.

“Estas áreas poderiam estar sendo utilizadas para tirar crianças das mãos de traficantes, que são usadas como “aviões”, e que poderiam estar praticando esportes nestes clubes”, avaliou o vereador. Ele defendeu que a Prefeitura poderia fazer uma parceria com os clubes, para revitalizar e aproveitar melhor estes espaços. Ronaldo Amâncio citou como exemplo o próprio Sírio Libanês, além do Elite Clube e do Jockey Clube (da praça Rui Barbosa).

O vereador Chiquinho da Zoonoses (MDB) comentou que recentemente agentes da Zoonoses estiveram no Sírio Libanês e encontraram muitos focos do mosquito da dengue.

Segundo o Boletim Epidemiológico de Monitoramento dos Casos de Dengue divulgado na semana passada pela Secretaria de Estado da Saúde de Minas Gerais, Uberaba já tinha 5.113 casos prováveis de dengue, um aumento superior a 12%, em comparação à semana anterior, quando haviam sido registrados 4.561 casos.

Fotos: Rodrigo Garcia

 

You have Successfully Subscribed!

Share This