Centro de Uberaba receberá réplicas de filhotes de dinossauros

A instalação está programada para dezembro

O centro de Uberaba receberá réplicas de filhotes de dinossauros. O Geopark Uberaba – Terra de Gigantes, integra sítios e geossítios dispersos pela Cidade que retratam as riquezas geológicas, a herança histórica e cultural local. As esculturas são cópias perfeitas de filhotes das principais espécies que existiram em Uberaba. Os objetivos são atrair o visitante para os pontos turísticos da cidade e fomentar a economia. O projeto foi desenvolvido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação. A instalação das peças está programada para dezembro.

De acordo com o prefeito de Uberaba, Paulo Piau Nogueira, trata-se de projeto importante, que visa à revitalização do centro de Uberaba.  “O Geopark tem esse circuito cultural e histórico do centro. É claro que os dinossauros são nossa marca registrada como o Zebu e o Chico Xavier. Além de valorizar a cidade, ofereceremos novas formas de lazer. Vamos atrair os visitantes para o Geossítio Santa Rita. Queremos que eles tenham vontade de andar pela cidade e conhecer outras coisas. Conseguimos as estátuas de filhotes de dinossauros, a partir das leis de incentivos fiscais. Serão colocadas nas praças Santa Rita, do Grupo Brasil e Rui Barbosa”.

Para a presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico e Social de Uberaba (Comdesu), Anne Roy Nóbrega, toda a área histórica uberabense precisa ser resgatada. “Esse trabalho faz parte de inúmeros projetos que a Sedec vem desenvolvendo para fortalecer o turismo e a visitação ampliando, assim, a geração de emprego e renda. O turista sai do mercado municipal e é chamado para andar no centro histórico da Cidade descobrindo os edifícios antigos e tesouros pouco conhecidos. O interesse leva à preservação e ao resgate da nossa identidade territorial”, afirmou.

Rodolfo Nogueira é especialista em construir animais extintos. Ele explica que “as espécies foram escolhidas porque Uberaba tem 20% delas descritas no País. Somos a capital brasileira dos dinossauros. Isso é raríssimo de acontecer no mundo inteiro. São três animais escolhidos, porém, no tamanho original dos filhotes pois o maior da cidade, Uberabatitan Ribeiroi adulto chegava a 26 metros.  Outra espécie que era carnívora e predadora dos filhotes do Titan era o Babolifauro, considerado praga pela quantidade de peças encontradas nas escavações.  Por fim, o Manirapitora. São os três principais dinossauros de Uberaba.”.

De acordo com a diretora de Turismo, Érika Cunha, os uberabenses e os turistas poderão tocar nas estátuas e tirar fotografias aos lados dos dinossauros: “Queremos que as fotos tiradas próximas aos dinos que ficarão em uma posição estratégicas para ter como fundo os pontos turísticos da cidade também sejam divulgadas nas redes sociais para atrairmos mais turistas”.

Será usada a técnica da poliarte que consiste na construção de animais extintos. As estátuas serão prospectadas em impressão 3D, modeladas no computador baseados nos fósseis. Segundo o artista, é uma reconstrução completamente científica dos fósseis e baseadas no modo de vida dos animais. Segundo ele, a parte interna será de estrutura metálica e por fora cimento e fibra de vidro e as escamas serão esculpidas.  “Uma escultura como se fosse uma argila, mas de cimento. Depois será esculpido escama por escama”, completou. Esse projeto  integra as comemorações dos 200 anos de Uberaba.

Fotos: Marco Aurélio Cury

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.