Prefeito de Uberaba determina alternativa para impacto de fortes chuvas e enchentes

Após as fortes chuvas da noite do dia 27, o prefeito Paulo Piau determinou as Secretarias de Obras e Planejamento e Gestão Urbana que sejam feitos novos estudos na busca de alternativas para minimizar o impacto para a população quando a cidade sofrer com chuvas de grandes proporções. Piau argumentou que o projeto Água Viva evitou uma tragédia, mas que mesmo assim é preciso buscar mais alternativas para as tempestades, que estão cada vez mais frequentes na cidade. O prefeito lembrou que a chuva foi tão forte que praticamente todos os bairros de Uberaba, mesmo os mais altos, como a Abadia e parte do bairro Mercês tiveram problemas, sendo locais que não possuem estrutura do projeto Água Viva. Choveu o equivalente a 70% do mês de novembro em 30 minutos.

“De fato o que precisamos fazer é buscar alternativas. A comunidade tem razão. Uberaba é a cidade das Sete Colinas e quando chove a água corre toda para o centro. Sempre temos de buscar solução técnica e onde estiver para minimizar o problema. Claro que quando ocorrer uma chuva como essa, um excesso, lugar nenhum do mundo teria solução. Mas é nosso dever e nossa obrigação como gestor estar junto da comunidade buscando alternativas e isso nós vamos fazer”, declarou.

Reavaliação –  Sobre o projeto Água Viva iniciado há quase 20 anos, o prefeito entendeu que o quê precisava ser feito, foi realizado, e que caso não existisse o Água Viva a cidade teria vivido uma tragédia na noite de ontem. Mesmo assim Piau determinou uma reavaliação técnica de todo o sistema. O prefeito voltou a alertar para as chuvas torrenciais cada vez mais presentes em Uberaba.

“Dentro do projeto Água Viva foi feito aquilo que deveria fazer, com recomendação técnica, do Banco Mundial, da Caixa Econômica Federal, do Ministério das Cidades, todos analisaram. Se não fosse o projeto Água Viva o desastre teria sido muito maior. Mas é claro que como ainda temos problemas de enchentes com grandes chuvas, essa solução ou pelo menos minimizar é nossa obrigação e isso nós vamos fazer”, finalizou.

 

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.