« Postagens Antigas
Escolha uma Página

As ações fazem parte da Campanha Laço Branco que já alcançaram cerca de três mil pessoas

A Prefeitura Municipal de Uberaba, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social (SEDS) e em parceria com o Centro Integrado da Mulher – CIM promove até sexta-feira (29) ações da Campanha Laço Branco em várias instituições do Município. A campanha acontece mundialmente com o objetivo de sensibilizar, envolver e mobilizar os homens em ações pelo fim de todas as formas de violência contra a mulher.

Segundo Juciara Moura Limírio, gerente do CIM, as ações como rodas de conversas, debates, palestras e audiência pública, levaram até o momento informações e orientações para aproximadamente três mil pessoas. Juciara analisa como positivo o alcance da campanha, pois segundo ela “a sociedade precisa passar por muitas transformações para conseguir acabar com essa violência que as mulheres sofrem até hoje”.

A gerente do CIM que também participou de uma audiência pública na Câmara dos Vereadores, na quarta-feira (27), para discutir a Violência Doméstica e Feminicídio, relata que o debate entre os vários setores da sociedade e as autoridades públicas é fundamental para o sucesso deste tipo de campanha. Jaciara defende o amplo debate sobre a causa. Avalia que não raramente sociedade civil é capaz de enxergar muito além do que os olhos dos governos alcançam, daí a importância do diálogo permanente e planejamento interativo de políticas pública para este segmento.

Segundo dados do CIM, apesar de a violência contra mulher estar crescendo em todo o território nacional, os atendimentos realizados no Centro de Referência da Mulher – CRM e na Delegacia da Mulher de Uberaba, vem diminuindo. Para a gerente esse é o resultado de um trabalho preventivo realizado durante todo ano junto à sociedade e instituições e que é intensificado durante a Campanha do Laço Branco.

E para finalizar as ações, acontecerá nesta sexta-feira (29) o debate ‘Conversando Sobre a Questão da Violência Contra a Mulher’ com o público do Centropop e Instituto Municipal Anti Drogas (Imad), a partir das 9h30, na Casa de Santa Gianna Beretta Molla no bairro Boa Vista.

Fotos: Marco Aurélio Cury

Share This