Uberaba – Banco de Alimentos recebe maior doação de sua história

O Banco de Alimentos (BA) e o Centro de Processamento de Alimentos (CPA) da secretaria de Desenvolvimento Social de Uberaba (SEDS), receberam nesta quinta-feira (29) a maior doação de alimentos de sua história recente. Em um único dia foram entregues cerca de 18 toneladas de gêneros alimentícios.

De acordo com Gil Gonçalves Gomes, gerente do Banco de Alimentos, a doação alimentos é do Projeto Campo Favela em parceria com o grupo Yara Fertilizantes. Ele destacou a importância do trabalho do prefeito Paulo Piau e do secretário de Desenvolvimento Social, Marco Túlio Cury, no resultado alcançado com esta doação.

Os alimentos doados pelo projeto “Campo Favela” serão repassados pelo BA e CPA a cerca de 80 instituições cadastradas no Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS), sendo Casas de acolhimento de crianças e adolescentes, Casas de Acolhimento de pessoas em situação de rua, ILPIs, OSCs, ONGs, CRAS, unidades públicas de assistência a saúde da população e outros.

Os alimentos recebidos são armazenados, processados e distribuídos para as instituições. Atualmente atendendo sete mil pessoas por semana, número que deverá atingir 10 mil pós-pandemia quando as instituições deverão voltar a operar em sua capacidade máxima.

Fotos: Marco Aurélio Cury

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.

Obrigado, Caros Leitores!

Nós da família do Luiz Renato Rodrigues da Cunha vimos através deste canal “Em Todas” agradecer a todos que procuravam diariamente se informar e compartilhar as matérias divulgadas pelo nosso saudoso colunista.

Agradecemos também o carinho demonstrado sempre ao nosso blogueiro imortal.

Foram anos de fidelidade, respeito e interatividade!

Sabemos que ele exerceu com brilhantismo sua capacidade de informar com transparência e imparcialidade, transmitindo alegria e entretenimento a seus leitores.

Chegou a hora de dar um até breve e jamais um adeus, pois acreditamos que um dia estaremos novamente com nosso ente querido.