« Postagens Antigas
Escolha uma Página

O projeto Batalha do Calçadão acontecerá neste sábado (09), a partir das 16h, no Calçadão da Artur Machado, trazendo graffiti em tela com Denis Balduíno, roda de break, a batalha tradicional no formato bate e volta, além de homenagem a Lucas, falecido em dezembro de 2018, também conhecido como Rasfry MC. As atividades fazem parte do Projeto Talentos Cidadania, que é uma parceria entre o Shopping Uberaba, Unimed, Instituto Agronelli e Fundação Cultural de Uberaba.

Cairo Damasceno, conhecido como Toi, explica que a ideia de integrar a Batalha ao Projeto Talentos Cidadania é dar continuidade ao que foi feito no decorrer do ano passado, passar pelos bairros com as oficinas levando essa manifestação cultural a quem ainda não teve acesso. E, paralelo a isso, ocorrerá a Batalha do Calçadão uma vez ao mês. “Será como se a Batalha no Calçadão fosse um chamamento para as demais atividades do Talentos, já que a Batalha será no primeiro sábado de cada mês, seguindo a programação do Projeto Talentos Cidadania, em seguida, passando pelos demais bairros de Uberaba “, declara Toi.

Depois de aproximadamente dois anos sem utilizar o Calçadão da Artur Machado como palco, Toi fala sobre a expectativa de voltar às origens. “A expectativa é muito grande, porque estamos atingindo dois anos sem levar a Batalha até o Calçadão. Mas agora temos uma bagagem melhor, além de outras pessoas que passaram a conhecer e fazer parte do nosso grupo e da equipe de produção do Projeto, então retornamos ao Calçadão, mas sem deixar de ocupar os outros locais. Ano passado foi muito produtivo nesse sentido. Criamos o evento nas redes sociais e já contamos com mais de 430 pessoas interessadas e/ou confirmadas, o que não foge do público que a Batalha sempre alcançou no Calçadão”, considera Toi.

Ederson Leite Lemos, conhecido como DJ Nenê, é restaurador, DJ e outro organizador da Batalha. Ele fala que o evento tem boa aceitação em Uberaba e a prova disso são os convites que a equipe organizadora recebe para realizar a Batalha nos mais variados locais da cidade. “A demanda está cada dia mais crescente”, diz.

Batalha do Calçadão – Surgiu há aproximadamente oito anos (12/08/2011), a partir de uma reunião entre amigos com o intuito de fazer uma brincadeira no Calçadão usando brincadeira com rimas, improvisando como se estivessem realmente numa batalha, com ideia de tomar o espaço público. Com o tempo, mais pessoas passaram a participar, e aderiram ao som para melhorar as rimas. O que chamou cada vez mais a atenção das pessoas que ali passavam e paravam para prestar atenção.

Com esse crescimento da demanda, viu-se a necessidade de aquisição de equipamento mais adequado e melhoria na estrutura do evento. A Fundação Cultural disponibilizou, então, o som e os locais para que o evento sempre acontecesse. A FCU é a realizadora do projeto desde 2014.

Hoje, a Batalha passa por diversos pontos da cidade e já tem no seu histórico lugares como o Parque das Acácias (Piscinão), Concha Acústica, Cine Teatro Vera Cruz, praças de vários bairros da cidade, Circo do Povo. O foco da batalha é o hip hop, break, graffiti, MC e DJ. E hoje, a Batalha do Calçadão é conhecida nacionalmente, um dos maiores eventos de hip hop do país e aqui acontece a eliminatória do evento nacional.

A Batalha do Calçadão é aberta ao público com o objetivo de difundir a cultura do Hip Hop. Declarada Patrimônio Cultural Imaterial de Uberaba por meio de decreto assinado pelo prefeito de Uberaba, Paulo Piau, e pelo presidente da Fundação Cultural, Antônio Carlos Marques.

Foto: Divulgação/PMU

 

 

You have Successfully Subscribed!

Share This