Uberaba – Coluna Pipocando por Luiz Renato – Segunda-feira 30/11

Foto: Marco Aurélio Cury

Elisa é eleita 1ª prefeita de Uberaba

Foto: Divulgação

A empresária Elisa Araújo (Solidariedade), foi eleita neste domingo (29) prefeita de Uberaba (MG) para os próximos quatro anos. Com 100% das seções totalizadas, Elisa teve 85.990 votos, representando 57,36%. O vice é o engenheiro Moacyr Lopes, do mesmo partido. Esta é a primeira vez que uma mulher é eleita como chefe do Executivo na história de Uberaba. Esta também será a primeira vez que Elisa ocupará um cargo público. A candidata derrotou o radialista Tony Carlos (PTB), que ficou em segundo lugar com 63.932 votos, representando 42,64% do total.

Perfil

Foto: Divulgação

Natural de Brasília (DF), Elisa Araújo tem 38 anos, é formada em Arquitetura e Urbanismo e especialista em gestão de negócios. Empresária, ela atua no setor industrial e dirige em parceria com o pai, Domingos Sávio, a Levfort Indústria de Calçados e Soldados, A Levofort Transportes e o Hotel Jaguar. Elisa foi a primeira mulher a assumir a presidência da Federação Industrial do Estado de Minas Gerais (Fiemg) – Regional Vale do Rio Grande.

Campanha

Foto: Divulgação

A campanha de Elisa começou simples, sem recursos, mas simpática. Aos poucos foi conquistando a simpatia dos eleitores. Nas redes sociais, seguidores começaram ver a candidata com outros olhos. O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (NOVO), declarou seu apoio a Elisa já no início de campanha. Para quem não sabe, Elisa e Moacyr eram do partido do governador, ambos disputaram a vaga para concorrer ao cargo de prefeito pelo partido Novo, mas o partido definiu a não disputar as eleições em Uberaba. Elisa e Moacyr foram convidados por Eduardo Palmério para se filiarem no partido Solidariedade e ela venceu as eleições.

Assim que começaram as propagandas eleitorais de rádio e TV, Elisa teve a oportunidade de se apresentar para toda cidade, suas propostas de mudanças, renovação e de governo e conquistou a simpatia dos eleitores. Quando foram apresentados os resultados na pesquisa Ibope, contratada pela TV Integração, apontando Elisa na 3ª posição e com empate técnico com os primeiros colocados, a notícia bombou nas redes sociais e foram compartilhadas, não deu outra, ela venceu o primeiro turno

Apoio de peso

Foto: Divulgação

O governador Romeu Zema (NOVO) esteve em Uberaba por duas vezes durante a campanha, em apoio a candidata Elisa Araújo. A primeira teve concentração na praça da Abadia e caminhada pela Prudente de Morais, já a segunda vez, caminhada na av João XXIII em campanha no segundo turno. Foi um tremendo sucesso! Elisa cresceu demais, sua popularidade aumentou, sua simpatia conquistou eleitores. Apesar de ter sofrido inúmeros ataques nas redes sociais com fake news, por Toniquetes de plantão, a candidata venceu e agora é a primeira mulher prefeita de Uberaba. Parabéns Elisa e Moacyr! Parabéns Uberaba! Ponto para Zema!

De volta as ondas do Rádio

Foto: Reprodução/Divulgação

Pode contar comigo! O candidato derrotado, radialista Tony Carlos (PTB), se pronunciou em entrevista de rádio após resultado neste domingo (29). Tony diz que o desejo do eleitor é a renovação na política. Ele agradeceu ao eleitores os 63.932 votos recebidos, equivalente a 42,64% e confirmou o interesse em disputar vaga de deputado em 2022, devido sua expressiva votação . Tony desejou sorte a candidata eleita e diz esperar que ela faça um bom governo. Tony Calos é natural de Uberaba, tem 56 anos e já foi vereador por seis mandatos, foi presidente da Câmara e deputado por duas vezes. Após derrota nas urnas, ele deverá voltar a fazer seu programa diário na rádio Transamérica. Sucesso Tony! A vida continua…

Diva

Foto: Reprodução/Divulgação

Quem brilhou também nestas eleições, foi a ex-primeira-dama e ex-vereadora Teresinha Cartafina (PSDB), que foi candidata a vice-prefeita na chapa majoritária junto com o radialista Tony Carlos (PTB). Teresinha, aos 87 anos, percorreu a cidade inteira na companhia de Tony e foi muito bem recebida e querida por todos. A trajetória de Teresinha na política, ainda é muito bem lembrada na cidade, dona de uma impecável experiência na vida pública, ela arrasou por onde passava, sempre muito paparicada pelos fãs. Teresinha é um exemplo de mulher forte, soberana, batalhadora e marcou presença nessas eleições, principalmente nas propagandas eleitorais. Que coragem! Sucesso Teresinha!

Revelação

Foto: Reprodução/Facebook

Foi notável o crescimento da representatividade feminina nestas eleições. Uberaba ganha a primeira prefeita mulher e quatro vereadoras. Quem também se destacou e foi a revelação nestas eleições, foi a pastora Regiane Isidoro, um grande fenômeno. Filiada no início de campanha no (PSDB), ela era a favorita na disputa majoritária. Regiane em poucas semanas ganhou grande público nas redes sociais e ganhou a simpatia de milhares de seguidores. O partido decidiu lançar Teresinha Cartafina como vice de Tony Carlos e Regiane seguiu a campanha apoiando a candidatura do deputado Heli Andrade. Ela comandou o grupo feminino na campanha de Heli. Arrasou!

Cidades que tiveram eleições neste 2º Turno

Foto: Reprodução/Divulgação

Eleitores de 57 cidades brasileiras foram às urnas neste domingo (29) para voltar no 2º turno da eleição para prefeito.

Desses municípios, 18 são capitais.

Lista de prefeitos eleitos no 2º turno das eleições 2020

  1. Anápolis (GO): Roberto Naves (PP)
  2. Aracaju (SE): Edvaldo Nogueira (PDT)
  3. Bauru (SP): Suéllen Rosim (Patriota)
  4. Belém (PA): Edmilson Rodrigues (PSOL)
  5. Blumenau (SC): Mário Hildebrandt (Podemos)
  6. Boa Vista (RR): Arthur Henrique (MDB)
  7. Campinas (SP): Dário Saadi (Republicanos)
  8. Campos dos Goytacazes (RJ): Wladimir Garotinho (PSD) – sub judice
  9. Canoas (RS): Jairo Jorge (PSD)
  10. Cariacica (ES): Euclerio Sampaio (DEM)
  11. Caucaia (CE): Vitor Valim (PROS)
  12. Caxias do Sul (RS): Adiló (PSDB)
  13. Contagem (MG): Marília Campos (PT)
  14. Cuiabá (MT): Emanuel Pinheiro (MDB)
  15. Diadema (SP): Filippi Júnior (PT)
  16. Feira de Santana (BA): Colbert Martins (MDB)
  17. Fortaleza (CE): Sarto Nogueira (PDT)
  18. Franca (SP): Alexandre Ferreira (MDB)
  19. Goiânia (GO): Maguito Vilela (MDB)
  20. Governador Valadares (MG): André Merlo (PSDB)
  21. Guarulhos (SP): Guti (PSD)
  22. João Pessoa (PB): Cicero Lucena (Progressistas)
  23. Joinville (SC): Adriano Silva (Novo)
  24. Juiz de Fora (MG): Margarida Salomão (PT)
  25. Limeira (SP): Mario Botion (PSD)
  26. Maceió (AL): JHC (PSB)
  27. Manaus (AM): David Almeida (Avante)
  28. Mauá (SP): Marcelo Oliveira (PT)
  29. Mogi das Cruzes (SP): Caio Cunha (Podemos)
  30. Paulista (PE): Yves Ribeiro (MDB)
  31. Pelotas (RS): Paula Mascarenhas (PSDB)
  32. Petrópolis (RJ): Rubens Bomtempo (PSB) – sub judice
  33. Piracicaba (SP): Luciano Almeida (DEM)
  34. Ponta Grossa (PR): Professora Elizabeth (PSD)
  35. Porto Alegre (RS): Sebastião Melo (MDB)
  36. Porto Velho (RO): Hildon Chaves (PSDB)
  37. Praia Grande (SP): Raquel Chini (PSDB)
  38. Recife (PE): João Campos (PSB)
  39. Ribeirão Preto (SP): Duarte Nogueira (PSDB)
  40. Rio de Janeiro (RJ): Eduardo Paes (DEM)
  41. Rio Branco (AC): Tião Bocalom (PP)
  42. Santa Maria (RS): Jorge Pozzobom (PSDB)
  43. Santarém (PA): Nélio Aguiar (DEM)
  44. São Gonçalo (RJ): Capitão Nelson (Avante)
  45. São João de Meriti (RJ): Dr João (DEM)
  46. São Luís (MA)Eduardo Braide (Podemos)
  47. São Paulo (SP): Bruno Covas (PSDB)
  48. São Vicente (SP): Kayo Amado (Podemos)
  49. Serra (ES): Sergio Vidigal (PDT)
  50. Sorocaba (SP): Rodrigo Manga (Republicanos)
  51. Taboão da Serra (SP): Aprigio (Podemos)
  52. Taubaté (SP): Saud (MDB)
  53. Teresina (PI): Dr. Pessoa (MDB)
  54. Uberaba (MG): Elisa Araújo (Solidariedade)
  55. Vila Velha (ES): Arnaldinho Borgo (Podemos)
  56. Vitória (ES): Delegado Pazolini (Republicanos)
  57. Vitória da Conquista (BA): Herzem Gusmão (MDB)

A volta de Aelton Freitas

Foto: Reprodução/Divulgação

Quatro cidades mineiras voltaram às urnas neste domingo (29) para eleger respectivos prefeitos em segundo turno. Em Juiz de Fora, a deputada federal Margarida Salomão (PT) venceu nas urnas após enfrentar Wilson Rezato (PSB). Ela obteve 144.529 votos, equivalente 54,98% dos votos válidos, ante seu adversário com 118.349 votos, equivalente a 45,02% dos votos válidos. A eleição da petista abre espaço para Aelton Freitas assumir o mandato na Câmara dos deputados. Com o resultado, ele assume uma cadeira na Câmara de deputados em 2021, tendo em vista que é o primeiro suplente da coligação PT/PR/PSB/DC/PCdoB), nas eleições de 2018. Aelton não conseguiu a reeleição e obteve somente 54.704 votos, dos quais, 3.987 em Uberaba. Boa sorte deputado!

Marcas dos que já foram

Foto: Rodrigo Garcia

O espirito da renovação foi marcado nessas eleições de 2020, a representatividade de alguns ex-vereadores caíram absurdamente. Alguns que eram tidos como bons de votos, perderam eleitores para os novatos. A coluna traz uma lista de resultados e vale a pena conferir:

Rubério Santos (MDB) 1.589 votos; Cleomar Barbeirinho (PP) 1.430 votos; Luiz Dutra (MDB) 1.423 votos; Aguinaldo Silva (PSL) 1.375 votos; Ronaldo Amâncio (MDB) 1.264 votos; Chiquinho da Zoonoses (PSD) 922 votos; Waldir Vilela (DEM) 814 votos; Professor Godoy (MDB) 786 votos; Marcelo Borjão (MDB) 730 votos, Afrânio Lara (PTB) 689 votos, Edvaldo Santos (DEM) 588 votos, Elmar Goulart (DEM) 562 votos; Dr. Heleno (PSDB) 469 votos; Hamilton Felix (PDT) 406 votos; Durval da Farmácia (Patriota) 395 votos; Massuo (DEM) 286 votos, Valdir Barbosa (PDT) 196 votos; Jorge Ferreira (Solidariedade) 127 votos. Vale lembrar que o ex-deputado Fahim Sawan obteve apenas 363 votos. A refletir!

Boa semana a todos!

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.