Uberaba – Hospital Regional completa três anos de funcionamento

Trabalho em equipe e versatilidade são as principais características do Hospital Regional José Alencar, que completa três anos de funcionamento nesta sexta-feira (04). Localizado na Rua Doutor Edelweiss Teixeira, n.º 101, bairro Mercês, iniciou as atividades com 20 leitos. Seis meses depois, a primeira etapa da abertura do Hospital foi concluída, com 60 leitos em funcionamento.

O prefeito Paulo Piau destaca a importância do HR para Uberaba e região. “Abrir o Hospital Regional foi um ato de ousadia, uma quebra de tabu, visto que não tivemos e não temos, até hoje, nenhuma ajuda do Estado para seu custeio. Mantemos aberto com a ajuda do Governo Federal e de alguns municípios da microrregião, visto que nem todos assinaram convênio. E agora, mais que nunca, este hospital mostra para que veio. É o hospital de referência para Covid-19, do SUS. Prestando um trabalho excepcional para quem precisa de atendimento. Realmente, estes três anos de trabalho do HR, mostram a importância dele para comunidade, sendo inclusive, um hospital extremamente bem avaliado”, destacou.

O superintendente do HR, Murilo Rocha está no cargo desde a abertura do Hospital. “Estou aqui desde antes do começo e foi uma experiência profissional muito gratificante”, conta. Ele ressalta que a equipe que foi mobilizada para abrir o HR e trabalhou de forma integrada no projeto de funcionamento, que foi tão bem elaborado que funcionou exatamente como foi planejado. “Esse trabalho em equipe, aproveitando expertise de cada instituição foi muito eficiente para que o Hospital funcionasse e conseguíssemos evoluir de 20 para 60 leitos”, enfatiza.  

Desde a abertura até julho de 2020, o Hospital Regional José Alencar realizou 5.960 internações e 2.835 mil cirurgias. Ainda, de acordo com o balanço divulgado pelo Hospital Regional, de setembro de 2017 a julho de 2020 foram realizados 205.775 exames laboratoriais, 61.645 exames de imagem e 16.216 consultas.

Mudanças. O superintendente destaca uma qualidade importante nesses três anos de Hospital Regional: a versatilidade e capacidade de adaptação do HR, que manteve o mesmo número de vagas e de produção assistencial, mesmo com a diminuição de recursos financeiros. “A parceria entre a administração do hospital, as duas instituições [UFTM e Uniube], em conjunto com a Secretaria de Saúde conseguiu contornar os problemas e manteve o hospital com o mesmo número de leitos e qualidade de atendimento, mesmo mudando nosso perfil assistencial”, afirma Murilo. Ele explica: em meados de 2019, o Hospital mudou a maneira de trabalhar, oferecendo mais cirurgias ortopédicas e cirurgia geral, diminuindo os leitos de clínica médica. Em março deste ano, outra mudança no perfil assistencial. “O nosso perfil foi mudado completamente, que passou de um hospital com prioridade de atendimento de procedimentos cirúrgicos para ser hospital de referência de uma síndrome respiratória aguda grave, provocada pela Covid-19, e ainda assim, o Hospital conseguiu manter a qualidade dos processos básicos de atendimento aos internados, tanto na clínica quanto na UTI”, relata Murilo.

O secretário de Saúde de Uberaba, Iraci Neto, destacou essa contribuição para toda Uberaba e região neste período de pandemia. “Principalmente neste momento de crise sanitária, que é uma das maiores vividas no mundo e ‘ele’ ser um hospital que está carregando toda necessidade da população em relação à internação, ao cuidado dos nossos pacientes de Covid-19, salvando vidas e tentando ao máximo minimizar os óbitos. Isso para nós é uma data de muita reflexão e de muita alegria, por ser uma decisão muito acertada, principalmente para os dias de hoje pensando nesses últimos 6 meses”, finalizou Iraci.

Fotos: Divulgação/Prefeitura de Uberaba

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.