Uberaba – Memorial Chico Xavier prepara exposição para pós-pandemia

O Memorial Chico Xavier já está preparando novo material para exposição. A intenção é que esse acervo seja exposto pós-pandemia. O trabalho com os documentos segue uma metodologia específica com diversas etapas, onde é necessário inicialmente coletar, separar, higienizar, identificar, organizar e por último, catalogar.

De acordo com o coordenador de museus em Uberaba, Carlos Vitor Silveira de Souza, só a partir da catalogação, é possível acesso ao público. “Neste momento de pandemia e de obra, estamos fechados ao público, e estamos canalizando todos os esforços para acelerar esse trabalho. Mais de 1200 itens deste acervo já estão catalogados e o restante, está na fase de organização”, explica.

Ainda segundo Carlos, estima-se que este acervo seja composto por mais de 4000 tipos de documentos, entre jornais, revistas, recortes, dossiês, projetos, periódicos em geral, cartas, postais, fotos, dentre outros, que aborda e retrata a história do líder e a doutrina espírita.

O trabalho está sendo desenvolvido por alunos do curso de história da Universidade Federal do Triângulo Mineiro – UFTM e de Arquitetura e Urbanismo da Uniube, sendo orientados pelo museólogo. Esse material irá compor futuramente o Centro de Pesquisa e Documentação do Memorial Chico Xavier.

Acervo. Os documentos foram encontrados em um cômodo de imóvel da Comunhão Espírita Cristã, o primeiro centro que Chico fundou em 1959, quando chegou à cidade mineira. O acervo foi entregue por comodato ao Memorial Chico Xavier que, em parceria com a Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), deu início aos trabalhos de restauração.

A ideia do Memorial Chico Xavier foi concebida em 2003, um ano depois da morte do médium. O museu fica no Parque das Américas e foi inaugurado em 2016. A estrutura tem mais de 8.000m², conta com obras escritas pelo médium, fitas e livros sobre a história de Chico Xavier.

Fotos: Divulgação/Prefeitura de Uberaba

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.

Obrigado, Caros Leitores!

Nós da família do Luiz Renato Rodrigues da Cunha vimos através deste canal “Em Todas” agradecer a todos que procuravam diariamente se informar e compartilhar as matérias divulgadas pelo nosso saudoso colunista.

Agradecemos também o carinho demonstrado sempre ao nosso blogueiro imortal.

Foram anos de fidelidade, respeito e interatividade!

Sabemos que ele exerceu com brilhantismo sua capacidade de informar com transparência e imparcialidade, transmitindo alegria e entretenimento a seus leitores.

Chegou a hora de dar um até breve e jamais um adeus, pois acreditamos que um dia estaremos novamente com nosso ente querido.