Uberaba – Prefeito abre palestra ‘O Futuro da Minha Cidade’

Silvio Barros, palestrante, diz que Uberaba merece participar do Pacto Global da ONU 

A noite de quinta-feira (5) foi marcada por provocações e reflexões de como a sociedade civil pode se tornar agente participativa na construção do futuro de Uberaba. Essa foi uma das propostas da palestra ‘Seja protagonista e não refém do futuro da sua cidade’, apresentada pelo ex-prefeito de Maringá/PR (que foi considerada a melhor cidade do Brasil) Sílvio Barros, consultor de sustentabilidade da Solução Consultoria, do projeto ‘O Futuro da Minha Cidade’ da CBIC. O evento aconteceu no anfiteatro do IFTM – Campus Avançado Uberaba Parque Tecnológico e contou com a presença de estudantes, representantes de entidades, políticos e empresários.

Acima a média. Para o prefeito Paulo Piau, apesar de o Município estar acima da média das cidades brasileiras em termos de preparação para esse futuro de tecnologia e de mudanças, é preciso continuar atento a essas inovações. “Eu acredito que Uberaba já está em termos de Brasil muito acima da média dessa preparação seja com o Parque Tecnológico, criado há 30 anos, seja pelo “U+20” que já envolve a comunidade no processo, ideias como o Centro de Inovação para ser um espaço comum de interação entre universidades e empresas e a sociedade civil organizada para um pensamento de como preparar a cidade e as pessoas para essa nova onda tecnológica de conhecimento que está aí está na nossa porta”, ressalta.

Durante a palestra, Sílvio, que também é ex-secretário de Desenvolvimento Urbano e de Planejamento do governo do estado do Paraná e ex-prefeito da cidade de Maringá-PR, por dois mandatos consecutivos, falou sobre as ações que a Prefeitura Municipal vem desenvolvendo em relação ao seu futuro. Para ele, Uberaba se tornou referência mundial quando o assunto são investimentos e projetos nas áreas de inovações, tecnologias e sustentabilidade, além da criação do documento “U+20 – A Visão Uberaba 2037”.

ONU. O palestrante defendeu que, por essas ações e projetos, Uberaba deveria receber menção honrosa no Pacto Global, a segunda maior reunião das Nações Unidas, atrás apenas da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas, e pleitear a sua participação. “São milhares de pessoas no mundo todo que vão lá compartilhar como que estão lidando com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Eu assisti um monte de apresentações das cidades que estão fazendo isso e que vocês já estão fazendo, bate de dez a zero em tudo que já assisti lá, e eu associaria no nome da cidade com essa marca global” declara. Barros defende que Uberaba tem condições não apenas de participar, mas também ensinar ao mundo como cumprir as metas dos ODS estabelecidos pela ONU.

Tarefa. A gestora do Parque Tecnológico e coordenadora Executiva do Projeto U+20, Raquel Resende, esteve presente no evento e fez balanço positivo do que foi dito pelo palestrante. “Nós já temos um grupo de pessoas começando a pensar e o nosso projeto está alinhado com o que o mundo precisa que são os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. A palestra também nos mostrou uma grande tarefa de casa; de como a gente vai realmente levar esse projeto e entregar soluções para a sociedade a partir de proposições vindas da própria sociedade”, conclui.

Fotos: Marco Aurélio Cury

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.