Uberaba – Prefeito dá o pontapé inicial para projeto do Heliponto no Hospital das Clínicas

Durante reunião realizada no auditório da Fiemg na segunda-feira (09), o prefeito Paulo Piau anunciou que a Secretaria de Defesa Social está autorizada a elaborar projeto de desafetação de uma das pistas da rua Frei Paulino. Esse procedimento é o pontapé inicial para que seja construído um heliponto no Hospital das Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro – UFTM. Logo que ficar pronto, o Projeto de Lei será encaminhado à Câmara Municipal para votação.

Piau lembrou que a demanda foi encaminhada por entidades da sociedade civil organizada, capitaneadas pela Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra (Adesg). “Acredito que seja um bem coletivo e não haverá nenhum problema com os nossos vereadores”, disse.

Segundo o prefeito trata-se de uma iniciativa que surge do Corpo de Bombeiros, junto com lideranças da comunidade, sem qualquer interesse político-partidário, que chama o Poder Público a participar. “É uma perspectiva  interessante para salvar vidas a partir do momento que o paciente, vítima de traumas, chegará direto no helicóptero ‘Arcanjo’, para o atendimento emergencial e o centro cirúrgico do HC”, lembrou.

Há uma semana o grupo liderado pela Adesg esteve com o chefe do Executivo buscando viabilizar a construção de um heliponto para atender principalmente ao helicóptero “Arcanjo” do Corpo de Bombeiros de Uberaba, junto ao Hospital das Clínicas. O projeto será elaborado pela UFTM e além da pista na parte superior, terá três andares abaixo para dar acesso diretamente ao centro cirúrgico e PS. Com parte da rua Frei Paulino dando acesso exclusivo ao HC, será possível acolher melhor pacientes e familiares que eventualmente estiverem sendo atendido no Pronto Socorro e no Ambulatório Maria da Glória.

De acordo com o comandante do 8º Batalhão de Bombeiros Militar em Uberaba, tenente-coronel BM Anderson Passos de Souza, 84% das pessoas que sofrem traumas, como acidentes de trabalho, de trânsito, morrem na primeira hora após o acontecido. Portanto, acrescenta a ideia de construir o heliponto junto Hospital das Clínicas (que atende a esses traumas) aumentando a chance de sobrevivência das pessoas, reduzindo ainda a possibilidade de lesões e as morbidades. “Isso significa diminuir traumas e tempo de socorro, salvar vidas. Para cada etapa de transporte desse acidentado hoje em dia, por terra e ar, um novo trauma pode ocorrer, piorando sobremaneira sua condição”, destacou.

Foram representadas na reunião 26 instituições, dentre elas Aciu, CDL, IEATM, que, segundo o adesguiano Antônio José Bessa Ferreira levaram ao prefeito um pleito amplamente discutido pelo grupo que já está bastante adiantado na concretização do heliponto.

Fotos: Divulgação/Prefeitura de Uberaba

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.