Uberaba – Prefeitura entrega nova sede do Centro Integrado da Mulher

Em novo espaço, foi inaugurado na manhã desta terça-feira (8) o Centro Integrado da Mulher (CIM), na rua Acre, 703, bairro Santa Maria, ligado ao Departamento de Proteção Social Especial da Secretaria de Desenvolvimento Social. O atendimento é das 8 às 18 horas com equipe composta por 12 profissionais entre educadores, assistentes sociais e psicólogos.

Segundo a gerente do CIM, Juciara Moura Limírio, com a nova casa será possível ampliar as políticas públicas municipais voltadas às mulheres. No local estão concentrados serviços especializados de atendimento às vítimas de violência doméstica. As atendidas são encaminhadas pela Polícia Civil através da Delegacia de Proteção à Família ou procuram diretamente o CIM.

Em seu pronunciamento o prefeito Paulo Piau destacou o trabalho da equipe e o esforço para implantar as políticas públicas voltadas para a mulher, desenvolvidas durante os oito anos de seu governo. “As mulheres estão buscando o seu espaço. Nas universidades, por exemplo, 53% dos cursos, especialmente na pós-graduação, são ocupados por elas”.

“Estão alcançando os cargos de posição no trabalho a cada dia mais” afirma Piau. E ainda lembrou que o número de vereadoras em Uberaba aumentou de uma para quatro. Mas, para ele, “deveriam ser pelo menos a metade do Legislativo, já que existem mais eleitoras do que eleitores”. Além disso, destacou Piau, a média de vida da mulher é maior, porque elas inteligentemente investem em prevenção, vivendo 80 anos em média, enquanto o homem vive 74 anos.

A primeira dama Heloisa Piau, entusiasta da causa feminina, destacou que mesmo no final da gestão Paulo Piau são conquistas importantes. “Nós temos que abraçar a causa do combate à violência e ao feminicídio”, disse.

A titular da Coordenadoria de Políticas Públicas para Mulheres, da Secretaria de Desenvolvimento Social, órgão que foi reativado no início do ano e que está sendo ampliado com a inauguração do CIM, Anna Maia Jampaulo de Andrade, ressalta que além de proteção da mulher contra a violência, o espaço também visa a ampliar os serviços de maneira geral, com capacitação e geração de renda.

Claudia Cristina da Silva, chefe do Departamento de Proteção Social especial da Seds, pontuou que a Prefeitura de Uberaba desenvolve política pública voltada para a mulher, estruturada dentro da Proteção Social Especial de Média Complexidade. Além do CIM, com equipe psicossocial que atua nos acompanhamentos e encaminhamentos de forma humanizada para a mulher e sua família, há uma rede intersetorial de atenção a mulher, bem como o  Conselho da Mulher,  órgão que foi reativado recentemente e que  delibera fiscaliza e realiza o controle social.

Segundo Claudia, Uberaba possui um terceiro setor forte e engajado que engloba as casas de acolhimento, dentro dos CRAS, CREAS e implantado recente a Casa “Renascer”, que é um abrigo provisório para mulheres vítimas de violência doméstica. Além disso, existe dentro do CIM o trabalho com os agressores, através da conscientização dos mesmos.

Fotos: André Santos

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.