Uberaba – Trabalho da Zoonoses tem foco na prevenção de doenças transmitidas por animais

Setor realizou mais de 6 mil atendimentos em 2019

Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias da Secretaria Municipal de Saúde realizou 6.498 atendimentos em 2019 de prevenção e controle de animais sinantrópicos. Estes são aqueles animais que não são domésticos, e que a população não gostaria que estivessem próximos das residências, como pombos, escorpiões, roedores e morcegos, segundo Lara Rocha Batista, chefe do Departamento de Zoonoses.

“Sempre que esses animais aparecerem, o cidadão pode entrar em contato com o Departamento, que nós iremos dar as devidas orientações para que tenha a retirada e também a prevenção do aparecimento desses animais naquele local, com todos os cuidados que o próprio cidadão pode ter, pois são bichos que podem transmitir doenças de caráter zoonótico, ou seja, trazer algum tipo de prejuízo à saúde humana”, orienta Lara. O telefone de contato para estes casos é o 3315-4173.

Serviços – No caso de controle de roedores, foram realizados 4.486 atendimentos, entre zona urbana e zona rural, com orientações aos moradores sobre a prevenção desses animais e das doenças por eles transmitidas, realização de busca de vestígios da presença do animal e realização de desratização, quando necessário.

Dentro do serviço de manejo de quirópteros (morcegos), foram 132 atendimentos para morcegos, sendo que 17 exemplares foram enviados para exame antirrábico. As visitas se dão quando há o encontro desses animais caídos, vivos ou mortos, com alteração de comportamento. É realizada a busca e recolhimento do animal, além da orientação do morador para prevenir a presença dos mesmos em suas residências. Já com relação a animais peçonhentos (escorpiões, lagartas e aranhas), foram atendidas 1403 solicitações, das quais 97,2% se tratavam de demanda de escorpião, além de 477 atendimentos para controle de pombos.

Fotos: Divulgação/Prefeitura de Uberaba

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.