Uberaba – Trabalho de conscientização sobre violência contra a mulher é contínuo na Seds

Centro Integrado da Mulher oferece dinâmicas sobre o tema a instituições públicas e particulares

 

As atividades da Semana do Dia da Mulher da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social foram encerradas, e contou com palestra sobre “Violência contra as Mulheres” para o Projeto de Extensão Universitária “Madre Tereza de Calcutá” da Uniube. O trabalho de conscientização, no entanto, continua, seguindo o foco de também chamar a população masculina para a conversa. Para isso, o Centro Integrado da Mulher (CIM) disponibiliza equipe para realizar palestras e rodas de conversa sobre violência doméstica e violência contra a mulher para empresas, escolas e outras instituições interessadas em abordar o tema. O agendamento pode ser feito pelo telefone de contato 3312-9161 e o serviço é gratuito.

A gerente do Centro Integrado da Mulher (CIM), Juciara Moura Limírio, explica que a equipe tem buscado fazer o trabalho preventivo nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), escolas urbanas e rurais, igrejas e dentro da Campanha do Laço Branco. “Essa semana, conversamos com trabalhadores do Horto e da Zoonoses, e queremos expandir esse trabalho aos homens, para pensar essa temática, ouvir a opinião deles também sobre a Lei Maria da Penha, os atendimentos realizados no CIM e debater sobre o que pode ser feito sobre essas questões”, relata Juciara.

O titular da Seds, Marco Túlio Cury, faz o chamado para que os homens também sejam foco das atividades de conscientização. “Temos que falar com os homens e para os homens também, para que escutem sobre como serem parceiros nessa luta, levar a informação para que eles nos ajudem no combate a violência”, analisa o secretário.

Segundo Juciara, o trabalho do CIM continua aumentando e é importante oferecer ao público masculino a oportunidade de analisar e refletir sobre o assunto. “Estamos engatinhando, mas queremos colher frutos com iniciativa”, ressalta a gerente do CIM.

Informação. O Centro funciona o ano todo. Denúncias podem ser anônimas pelo 3312-9161 ou 180, o número nacional que funciona 24 horas/dia.  Para orientações, deve-se ir ao CIM, na Rua Luiz Próspero, 242, onde ocorre atendimento psicossocial e encaminhamento para a Delegacia de Orientação e Proteção à Família.

Foto: Divulgação/PMU

 

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.

Obrigado, Caros Leitores!

Nós da família do Luiz Renato Rodrigues da Cunha vimos através deste canal “Em Todas” agradecer a todos que procuravam diariamente se informar e compartilhar as matérias divulgadas pelo nosso saudoso colunista.

Agradecemos também o carinho demonstrado sempre ao nosso blogueiro imortal.

Foram anos de fidelidade, respeito e interatividade!

Sabemos que ele exerceu com brilhantismo sua capacidade de informar com transparência e imparcialidade, transmitindo alegria e entretenimento a seus leitores.

Chegou a hora de dar um até breve e jamais um adeus, pois acreditamos que um dia estaremos novamente com nosso ente querido.