Vice-prefeito visita Belo Horizonte para avançar em demandas de Uberaba

 

O vice-prefeito João Gilberto Ripposati esteve, nesta semana, em viagem a Belo Horizonte para cumprir diversas agendas sobre demandas de interesse do município. O objetivo foi avançar em pautas que envolveram o Mutirão de Escrituras, junto à Companhia de Habitação do Estado de Minas Gerais (Cohab Minas), questões relativas à Epamig e o acompanhamento de demanda das associações Paz na Terra e Pró Roça, junto à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário. Ele também participou de uma reunião na cidade de Cássia.

Em reunião com o presidente da Cohab, Alessandro Marques, o vice-prefeito atualizou as informações relativas ao Mutirão das Escrituras em Uberaba, iniciativa que vem sendo desenvolvida por ele desde 2012, enquanto vereador, agilizando a entrega de escrituras por meio de equipe treinada para intermediar as demandas junto aos mutuários. “Nós fomos apresentar as demandas do mês em relação às escrituras, para agilizar as liberações, e nos sintonizar com a Cohab visando concluir o mutirão, que está em fase final e faltando menos de 20% das entregas de escrituras”, esclarece Ripposati. A Cohab já manifestou interesse em implantar projeto habitacional no bairro Volta Grande, e a proposta já está em fase de análise.

Outra reunião foi com o presidente da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), Rui da Silva Verneque, para solicitar atenção da instituição para fortalecer o Centro de Pesquisa e completar o quadro de profissionais, no objetivo de atender as demandas de Uberaba e região. “As demandas de produção local carecem de tecnologias atualizadas, por isso estamos em busca de completar este quadro e nos colocamos à disposição para fazer essa defesa junto ao Governo, com foco em buscar subsídios para fortalecer a agricultura familiar, o pequeno e o médio produtor”.

Paralelamente, Ripposati também discutiu sobre a parceria da Embrapa com a Epamig, visto que há uma sinalização da Embrapa em querer ampliar o quadro de funcionários dentro da parceria no Centro de Pesquisa. Essa aproximação da Embrapa poderá ser positiva, segundo ele, para somar naquilo que está faltando. Como uma próxima etapa, será feita uma audiência com o presidente da Embrapa para sintonizar essa posição.

Ripposati ressaltou, ainda, a importância do fortalecimento do Centro de Pesquisa para o desenvolvimento sustentável local e regional. “Os esforços são positivos para fortalecer a receita da região por meio de novas tecnologias que ajudem os produtores a melhorarem a produção, fortalecendo a agricultura familiar, a fitoterapia e a agroecologia. Vamos levantar as demandas locais e enviar à Epamig BH, para inclusão na reunião de planejamento estratégico da instituição que acontecerá no final do mês”.

Outra demanda da viagem, que merece destaque, foi a busca de soluções para processo que envolve as associações Paz na Terra, com 17 produtores de agricultura familiar, e Pró Roça, com 9 produtores. De acordo com Ripposati, o objetivo foi transferir os processos das associações que estavam na Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário, para a Delegacia Federal do Desenvolvimento Agrário, que devido à nova lei federal é agora a responsável pelos trâmites.

O vice-prefeito destaca que acompanhou a demanda desde o início, enquanto vereador, e um dos objetivos é individualizar as dívidas para agilizar procedimentos para acesso à créditos. “Por conta da nova organização do governo, os processos dessas associações estavam todos parados. Intermediamos a transferência da documentação ao novo órgão responsável, para que possamos ter uma definição que proporcione condições para eles desenvolverem a produção de forma sustentável”, explica o vice-prefeito.

Segundo ele, a retomada dos processos é o futuro das associações. “Agora estamos na expectativa para acompanhar os desdobramentos, que podem possibilitar linhas de créditos para novos investimentos. Esperamos a evolução para uma maior produção, que fortalece o setor da agricultura familiar e nosso mercado. A grande conquista foi conseguir tramitar essas documentações, e continuaremos acompanhando de perto”.

Visita a Cássia/MG – Ripposati esteve ainda, junto ao secretário de Desenvolvimento do Agronegócio, Luiz Carlos Saad, na cidade de Cássia/MG, junto à Emater, autoridades locais, cooperativas e associações de produtores na área de Aquicultura e Piscicultura. A visita teve o objetivo de acompanhar o trabalho desenvolvido na cidade. Os produtores do município de Cássia se preparam para inaugurar, ainda este ano, um abatedouro de peixes.

De acordo com Ripposati, a visita foi importante para conhecer o modo de trabalho e de desenvolvimento dessa logística de mercado. “Foi positiva a troca conhecimentos, para que possamos pensar nas possibilidades para Uberaba e região. Com certeza extraímos as melhores informações, pensando em projetos futuros”, esclarece Ripposati.

 

 

Copyright © Em Todas Blog – Todos os direitos reservados.

Obrigado, Caros Leitores!

Nós da família do Luiz Renato Rodrigues da Cunha vimos através deste canal “Em Todas” agradecer a todos que procuravam diariamente se informar e compartilhar as matérias divulgadas pelo nosso saudoso colunista.

Agradecemos também o carinho demonstrado sempre ao nosso blogueiro imortal.

Foram anos de fidelidade, respeito e interatividade!

Sabemos que ele exerceu com brilhantismo sua capacidade de informar com transparência e imparcialidade, transmitindo alegria e entretenimento a seus leitores.

Chegou a hora de dar um até breve e jamais um adeus, pois acreditamos que um dia estaremos novamente com nosso ente querido.